Buscar
  • CARAVANA DE LUZ EDITORA

O Planeta Terra é nossa Escola de Desenvolvimento Espiritual

Por Heleuse Rousie


O planeta está dentro de nós. Somos feitos rigorosamente dos mesmos elementos que constituem o planeta. No mais rudimentar exame de sangue, descobrimos que por nossas veias transportamos minérios que jazem nas profundezas do solo. Ferro, Zinco, cálcio, selênio, fósforo, manganês, potássio, magnésio e outros elementos são absolutamente fundamentais à nossa saúde. Se descuidarmos da ingestão desses nutrientes – presentes em boa parte dos alimentos – nosso metabolismo fica exposto a diferentes gêneros de desequilíbrio e doenças.


O mesmo ocorre em relação à água. O soro fisiológico – bem como o soro caseiro – salva vidas quando recompõe a tempo nossa necessidade deste precioso líquido. Pela sabedoria Divina, a proporção de água no planeta (70%) é a mesma com que esse elemento compõe o nosso corpo físico. Também precisamos de uma quantidade mínima de água no ar que respiramos.


O elemento fogo se revela simbolicamente em diferentes fenômenos fundamentais à manutenção da vida. Vem do Sol a energia que sustenta todas as estruturas vitais do planeta.


O ar é o elemento mais urgente para a nossa existência. Podemos passar vários dias sem ingerir alimentação sólida, um número menor de dias sem líquidos, mas apenas alguns poucos instantes sem ar. Na milenar tradição mística da Índia, o prana – ou força vital – é absorvido pela respiração.


É forçoso reconhecer que sem água potável, terra fértil, ar respirável e incidência adequada de luz e calor nosso projeto evolutivo encontra-se ameaçado.” [1].


Assim, não é mais possível separar a humanidade do planeta. Este generoso planeta nos propicia tudo isso para podermos viver fisicamente de forma saudável. O que dizer do que nos oferece para que o nosso Espírito imortal possa evoluir?


O Mestre Jesus foi responsável por operar “a escultura geológica do orbe terreno, talhando a escola abençoada e grandiosa, na qual o seu coração haveria de expandir-se em amor, caridade e justiça” [2].


Sendo assim, a Terra, como escola, oferece-nos todas as lições e oportunidades para podemos nos aprimorar.Assim, sonhar com um mundo melhor é, antes de tudo, fazermos um trabalho em nós mesmos, sem tréguas e incansavelmente, para que o homem velho que nos habita dê lugar ao homem renovado pelo aprendizado e vivência da ciência crística a nós oferecida há mais de dois mil anos. Cultivemos a certeza de que isto é possível, que já possuímos o bastante para esta construção (...)[3].


Se em nosso corpo trazemos todos os elementos que constituem o nosso Planeta, em nosso Espírito trazemos todas as potencialidades d’Aquele que nos criou. Sendo assim, o nosso Espírito recebeu, no momento da sua criação, tudo o que precisa para sair vitorioso nas provas que somos convidados a viver/fazer nesta escola abençoada chamada Terra.



Que possamos, a cada dia, agir com amor, caridade e justiça.


Levando a água do amor, possamos nos aproximar não apenas daqueles que estão ao nosso redor, mas, como um rio longo e caudaloso, alcançar os mais distantes, através da oração e dos pensamentos de gratidão e de paz.


Utilizando o fogo, que possamos purificar o nosso egoísmo, aprendendo com a caridade que beneficia o próximo e auxilia a nós mesmos ­– porque nos convida a nos colocarmos no lugar do outro e nos faz entender que não existe posição permanente nos pódios da vida, que tudo se alterna nas encarnações e se, hoje, estamos na posição de ajudar, em algum tempo poderemos estar na posição de ser ajudados.



Fazendo uso do ar da justiça, elemento vital para “tratarmos o outro como gostaríamos de ser tratados”, possamos inundar o nosso ser e, assim, o sopro de vida de um será o ar respirado por todos, numa grande fraternidade, que, então, será instaurada neste planeta chamado Terra, tornando-o um lugar melhor de se viver.


(...) sejamos felizes no agora e mais sorridentes frente ao futuro que podemos construir no hoje, lembrando-nos de que todo o Universo vibra o Amor divino! Deixemos que Ele nos contagie e, assim, estaremos garantindo um mundo melhor, que parte de nossa individualidade e se expande para fora de nós[3].





[1] MENDES, André Trigueiro. Cap. 10: O planeta está dentro de nós. In: Espiritismo e ecologia (peça em nossa livraria). 3. ed. Brasília: Federação Espírita Brasileira, 2013.

[2] XAVIER, Francisco Cândido. Cap. I: A Gênese planetária. In: A Caminho da Luz (peça em nossa livraria). Pelo Espírito Emmanuel. 22. ed. Brasília: Federação Espírita Brasileira, 1996.

[3] CARVALHO, Maria Fátima Ferreira de. Cap. 21: Construindo um mundo melhor. In: Escrevendo Palavras, Modificando Conceitos (adquira agora). Pelo Espírito Angélica. Belo Horizonte: Caravana de Luz Editora, 2011.




#CaravanaDeLuzEditora; #DiadoPlanetaTerra; #planetaTerra; #Terra; #meuQueridoPlaneta; #TerraNossaEscola; #TerraMinhaEscola; #TerraMeuLar; #escola; #DesenvolvimentoEspiritual; #evolução; #aprendendocomaTerra; #aprendendocomoPlaneta; #mundomelhor; #ReformaÍntima; #amor; #caridade; #justiça; #caridade; #ÁguaDoAmor; #ArDaJustiça; #TerraEscolaAbençoada;