Buscar
  • CARAVANA DE LUZ EDITORA

Embaixadores da Nova Era

Por Heleuse Rousie

Um embaixador é uma pessoa escolhida para representar algo ou alguém. O Cristo foi escolhido por Deus para representá-Lo no nosso Planeta. De que maneira? Trazendo os Seus ensinamentos e esclarecendo-nos a respeito de Suas leis.


Mas Cristo não agiu sozinho. Escolheu, capacitou e enviou várias pessoas nesta tarefa de esclarecimento e de amor ao próximo. Podemos começar falando dos 12 apóstolos. Homens simples, pescadores na sua maioria, e, por isso mesmo, aptos para falar para um povo também simples e ávido de amor e de esperança.


Cristo falou em nome do Pai e ressaltou a importância de cada um, lembrando a cada um que eles eram deuses, luz do mundo e sal da terra, e que também eram responsáveis pelo próximo.


"Vocês são a luz do mundo. Não se pode esconder uma cidade

construída sobre um monte.” (Mateus 5,14)


"Vocês são o sal da terra. Mas se o sal perder o seu sabor, como restaurá-lo? Não servirá para nada, exceto para ser jogado fora e pisado pelos homens.” (Mateus 5,13)


Cristo também escolheu 72 discípulos e os mandou pelo mundo aos pares, para divulgar a nova era. “Depois disso o Senhor designou outros setenta e dois e os enviou dois a dois, adiante dele, a todas as cidades e lugares para onde ele estava prestes a ir” (Lucas 10,1).


Mas muitos e muitos outros vieram após eles. Durante toda a História, após a vinda do Cristo, muitos se destacaram como discípulos, “por muito se amarem”.


"Um novo mandamento lhes dou: Amem-se uns aos outros. Como eu os amei, vocês devem amar-se uns aos outros. Com isso todos saberão que vocês são meus discípulos, se vocês se amarem uns aos outros." (João 13,34-35)


Paulo de Tarso, com paixão e com conhecimento, divulgou o cristianismo por várias partes do mundo, em uma época de muitas dificuldades. “Pois Cristo não me enviou para batizar, mas para pregar o evangelho, não com palavras de sabedoria humana, para que a cruz de Cristo não seja esvaziada. Cristo, Sabedoria e Poder de Deus” (I Coríntios 1,17).


Hoje, a obra de Cristo continua. Não mais nas mãos e nas palavras de um homem, mas nas mãos de cada um de nós. “Assim, sonhar com um mundo melhor é, antes de tudo, fazer um trabalho em nós mesmos, sem tréguas e incansavelmente, para que o homem velho que nos habita dê lugar ao homem renovado pelo aprendizado e vivência da ciência crística a nós oferecida há mais de dois mil anos” [1].


Depois de tantos séculos, já recebemos todos os instrumentos para nos capacitarmos e assim sermos embaixadores do Cristo. A hora é de reforma sim, mas de reforma íntima, em busca da descoberta deste mundo infinito de probabilidades que existe dentro de nós, para que todas as potencialidades de deuses e luzes do mundo, num movimento de amor, se transborde e transforme também o mundo a nossa volta [2].


A nova era depende de nossas novas atitudes, a nossa nova visão de mundo se ampliou, e a Doutrina Espírita nos esclarece, através de milhares de embaixadores do Cristo, que “há muitas moradas na casa de meu Pai” [3].


Na casa de meu Pai há muitas moradas; se não fosse assim, eu vo-lo teria dito.

Vou preparar-vos lugar.” (João 14,2)


Somos embaixadores do Cristo e somos espíritos imortais e, como tais, devemos nos preparar para sermos embaixadores de Cristo no Universo, em qualquer morada que habitarmos. O conhecimento das Leis de Deus deverá ser exercido por nós em qualquer parte do Universo onde nos apresentemos como Seus filhos. O filho honra seu Pai através da vivência dos seus ensinamentos. Foi isto que Cristo fez, é isto que ele espera de nós.


A Boa Nova já foi trazida, já foi divulgada, agora resta ser vivida e transmitida por cada um de nós. Assim, se quisermos ser reconhecidos como um bom cidadão, um cidadão da nova era, é preciso deixar de pensar pequeno.


Economizar água, não porque pode nos faltar no dia seguinte, mas porque pode faltar ao próximo nos séculos vindouros.


Não jogar lixo na rua porque pode entupir os bueiros e causar inundações fica pequeno quando pensamos que este lixo pode poluir o mar de tal maneira que a vida marinha fica ameaçada e pode não existir daqui alguns séculos, prejudicando a vida de toda a humanidade.


Olhar o faminto como alguém necessitado apenas de pão, matando a sua fome naquele momento, é esquecer que a fome dele vai muito além da comida, que a sua reencarnação pode estar comprometida por falta de condições mínimas de cidadania pelas quais somos todos responsáveis; e, como nos disse Cristo – nenhuma de minhas ovelhas se perderá – como cidadãos que queremos ser, estaremos aqui trabalhando no seu redil, até que a última ovelha seja recuperada.


A Boa Nova já foi trazida, a Nova Era já começou. E, como cidadãos do mundo que somos, acendamos a nossa luz para que ela possa iluminar a direção do “caminho, verdade e vida” que é Jesus, o grande Embaixador de Deus.




[1] CARVALHO, Maria Fátima Ferreira de. Escrevendo Palavras, Modificando Conceitos, pelo Espírito Angélica. Cap. 21: Construindo um mundo melhor.

[2] KARDEC, Allan. O Livro dos Espíritos (peça em nossa livraria). 3ª parte, cap. XII: Da perfeição moral, questão 918.

[3] KARDEC, Allan. O Evangelho segundo o Espiritismo (peça em nossa livraria). Cap. III: Há muitas moradas na casa de meu Pai.





#CaravanaDeLuzEditora; #EmbaixadoresDoCristo; #EmbaixadoresDaNovaEra; #embaixadores; #NovaEra; #MundoMelhor; #mundo; #JesusEmbaixadorDeDeus; #Cristo; #Deus; #CasaDoPai; #universo; #LeisDeDeus; #LeisDivinas; #LeiDeAmor; #amor; #caridade; #MovimentoDeAmor; #amorAOpróximo; #apóstolos; #discípulos; #LuzDoMundo; #SalDaTerra; #PauloDeTarso; #cristianismo; #evangelho; #ReformaÍntima; #HomemRenovado; #renovação; #transformação; #EspíritosImortais; #FilhosDeDeus; #filhos; #responsabilidade; #BoaNova; #cidadãos; #CidadãosDoMundo; #cidadania; #CidadãoDaNovaEra; #TrabalhoNoBem; #estudo; #trabalho;




COPYRIGHT 2015. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS A CARAVANA DE LUZ EDITORA. 

 

Créditos do Site: Luciana De Carvalho