Buscar
  • CARAVANA DE LUZ EDITORA

Responsabilidade familiar: o que temos feito em prol da Família Universal?

Por André Azevedo

Responsabilidade perante a Família Universal

“E, falando ele ainda à multidão, eis que estavam fora sua mãe e seus irmãos, pretendendo falar-lhe. E disse-lhe alguém: Eis que estão ali fora tua mãe e teus irmãos, que querem falar-te. Ele, porém, respondendo, disse ao que lhe falara: Quem é minha mãe? E quem são meus irmãos? E, estendendo a sua mão para os seus discípulos, disse: Eis aqui minha mãe e meus irmãos; Porque, qualquer que fizer a vontade de meu Pai que está nos céus, este é meu irmão, e irmã e mãe”. (Mateus, 12:46-50)



Naquela ocasião em que foi procurado por sua família terrestre, Jesus aproveitou o momento para, sem desconsiderar a importância dos laços familiares na vida física, descortinar aos nossos olhos o sublime conceito da Família Universal, que nos irmana a todos como filhos de um mesmo Pai soberanamente justo e bom. Ao enxergarmos as relações humanas por esse prisma, dissolvem-se naturalmente as barreiras e os preconceitos da vida social, uma vez que, a partir desse novo olhar, aprendemos a identificar em cada companheiro da jornada terrestre um irmão em Deus, ainda quando haja, entre nós e o outro, diferenças na posição social, nas crenças ou nas características individuais.


À luz da Doutrina Espírita, compreendemos ainda que as experiências evolutivas pelas quais o espírito encarnado transita se alternam de encarnação a encarnação, em conformidade com as necessidades individuais de progresso intelectual e moral. Dessa forma, o companheiro que detém hoje privilégios materiais pode se encontrar, de futuro, em situação de privação econômica. Na primeira posição, tem a oportunidade de empregar a riqueza em benefício do próximo, desenvolvendo a prática da caridade; já na segunda, aprende a humildade e exercita a resignação, relembrando que, na vida em sociedade, muitas vezes não dispensamos o concurso dos semelhantes para a garantia de nosso bem-estar.


A partir dessa reflexão, concluímos que todos devemos uns aos outros, não apenas em termos do respeito e da consideração que cada ser humano merece, como também no tocante ao auxílio material e moral que já somos capazes de prestar ao próximo, tal como gostaríamos que o próximo, a seu turno, prestasse em nosso benefício, caso disso viéssemos a necessitar um dia.


Foi pensando nisso que a Ação Social Caravana de Luz (ASCL) – Jardim das Borboletas criou a iniciativa “Apadrinhe uma família ou um projeto da ASCL”. Com o apadrinhamento, cada colaborador tem a oportunidade de auxiliar os beneficiários dos projetos sociais da entidade – nossos irmãos e nossas irmãs na Família Universal – com doações em gênero ou em espécie. No caso do apadrinhamento de família, as doações serão aplicadas diretamente no atendimento às necessidades da família afilhada, conforme catálogo de necessidades divulgado no site da ASCL (acesse aqui). Já no caso de apadrinhamento de projeto, os recursos serão utilizados na manutenção do projeto social escolhido. O escopo de cada um dos projetos da entidade também pode ser encontrado no site da ASCL (clique aqui).


Lembremos que Jesus, o Mestre dos Mestres, amou e amparou a todos sem distinção durante sua passagem pela Terra e segue nos auxiliando a cada dia, esperando somente que ofereçamos, a nosso turno, algo de nós mesmos para aliviarmos as dores do próximo, de modo a nos tornarmos, assim, filhos responsáveis e laboriosos na seara bendita do Pai - que tanto produz, a todo instante, em nosso favor.




#CaravanaDeLuzEditora; #FamiliaUniversal; #ResponsabilidadeFamiliar; #responsabilidade; #amoraoproximo; #Jesus; #DoutrinaEspirita; #espiritismo; #caridade; #RelacoesHumanas; #VidaSocial; #VidaEmSociedade; #sociedade; #irmaos; #respeito; #consideracao; #AuxilioMoral; #AuxilioMaterial; #familia; #ASCL; #JardimDasBorboletas; #projetosASCL; #PromocaoSocial; #SearaDoMestreJesus; #MestreJesus; #fraternidade; #solidariedade;

COPYRIGHT 2015. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS A CARAVANA DE LUZ EDITORA. 

 

Créditos do Site: Luciana De Carvalho