Buscar
  • CARAVANA DE LUZ EDITORA

O poder da água fluída

Por Heleuse Rousie

"E, ao terceiro dia, fizeram-se umas bodas em Caná da Galileia; e estava ali a mãe de Jesus. E foi também convidado Jesus e os seus discípulos para as bodas. E, faltando vinho, a mãe de Jesus lhe disse: Não têm vinho. Disse-lhe Jesus: Mulher, que tenho eu contigo? Ainda não é chegada a minha hora. Sua mãe disse aos serventes: Fazei tudo quanto ele vos disser. Disse-lhes Jesus: Enchei de água essas talhas. E encheram-nas até em cima. E disse-lhes: Tirai agora, e levai ao mestre-sala. E levaram. E, logo que o mestre-sala provou a água feita vinho (não sabendo de onde viera, se bem que o sabiam os serventes que tinham tirado a água), chamou o mestre-sala ao esposo, E disse-lhe: Todo o homem põe primeiro o vinho bom e, quando já têm bebido bem, então o inferior; mas tu guardaste até agora o bom vinho. Jesus principiou assim os seus sinais em Caná da Galileia, e manifestou a sua glória; e os seus discípulos creram nele.” (João 2,1-11)



A água esteve presente na primeira manifestação de glória do Cristo e durante sua vida, em vários momentos, ele referiu-se a ela.


“As primeiras estruturas microscópicas de vida do planeta apareceram nas águas salgadas e quentes dos mares primitivos. Também quente é o líquido que envolve durante toda a gestação no útero materno. O soro fisiológico – bem como o soro caseiro – salva vidas quando recompõe a tempo nossa necessidade deste precioso líquido. Por um capricho divino, a proporção de água no planeta (70%) é a mesma com que esse elemento compõe o nosso corpo físico. Precisamos ingerir pelo menos 2,5 litros de água por dia para assegurar o bom funcionamento do metabolismo, irrigando células, glândulas, órgãos, tecidos. Também precisamos de uma quantidade mínima de água no ar que respiramos. É absolutamente desagradável – e ameaça a saúde – respirar num ambiente com pouco vapor de água misturado ao ar” [2]


Água, elemento divino e precioso, tão abundante em nossa parte do Planeta. Talvez por isso raríssimas vezes nos lembremos de agradecer pela água fria ou fresca que bebemos tão prazerosamente. Sempre ao nosso alcance, nas torneiras, garrafas e bebedouros, mas tão distante de muitos outros irmãos, que moram em outras regiões da Terra, onde a água se torna um elemento raro.


A água é também, “de todos os corpos da natureza, o que mais completamente recebe o fluído magnético” [1]


A água fluidificada, pela sua neutralidade, é um dos agentes mais poderosos que a Espiritualidade usa nos tratamentos espirituais e, assim como os passes, reequilibra-nos, atuando como agente causador de saúde e bem-estar.


Deus coloca à nossa disposição um manancial de bens que tem como objetivo nos harmonizar e nos propiciar, de maneira natural e completa, saúde para o corpo e para a nossa alma. Portanto, se já aprendemos sobre as potencialidades da água, precisamos começar a usá-la a nosso favor.


“(…) o Mestre, quando se referiu à água simples, doada em nome da sua memória, reportava-se ao valor real da providência, em benefício da carne e do Espírito, sempre que estacione em zonas enfermiças. Se desejas, portanto, o concurso dos Amigos Espirituais, na solução de suas necessidades físico-psíquicas ou nos problemas de saúde e equilíbrio dos companheiros, coloca o teu recipiente de água cristalina à frente de tuas orações, espera e confia. O orvalho do Plano Divino magnetizará o líquido com raios de amor, em forma de bênçãos, e estarás, então, consagrando o sublime ensinamento do copo de água pura, abençoado nos Céus” [3]


Já que, por merecimento ou necessidade, reencarnamos em um país onde a água é abundante, vamos fazer uso desta bênção que nos é oferecida.


Comemoremos o Dia Mundial da Água com gratidão ao Pai Maior que nos oferece, em um simples copo de água, todo um manancial de saúde e equilíbrio, lembrando que uma das melhores maneiras de demonstrar o nosso apreço por ela é usá-la de maneira correta.



[1] MICHAELUS. Magnetismo espiritual (peça em nossa livraria). 10. ed. 1. reimp. Rio de Janeiro: FEB, 2008, p. 136-146.

[2] TRIGUEIRO, André. O planeta está dentro de nós (peça em nossa livraria),. In: Espiritismo e Ecologia. 2. ed. Brasília: FEB, 2010. p. 34.

[3] XAVIER, Francisco Cândido. A água fluida (peça em nossa livraria),. In: Segue-me. Pelo Espírito Emmanuel. 8. ed. Matão: O Clarin, 1996. p. 129-130.




#DiaMundialDaAgua; #AguaFluidificada; #AguaFluida; #OPoderDaAgua; #MagnetismoEspiritual; #magnetismo; #agua; #saude; #TratamentosEspirituais; #equilibrio; #gratidao; #BomUsoDaAgua; #responsabilidade; #RecursoDivino; #Deus; #Jesus;

COPYRIGHT 2015. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS A CARAVANA DE LUZ EDITORA. 

 

Créditos do Site: Luciana De Carvalho